Entenda quais são as causas das dores no corpo ao acordar

Icamas 0 Comentários

Depois de um dia de trabalho, compromissos e tarefas, nada como um merecido descanso. Mas, infelizmente, esse prazer vem se tornando um luxo para muitas pessoas. As queixas são diversas: insônia, ansiedade, desconfortos e dores no corpo ao acordar.

Estamos sempre trazendo dicas para ajudar você a dormir melhor no blog. Já falamos sobre a importância do sono para a saúde, as melhores posições para dormir e dicas para dormir melhor, entre outros tópicos. Neste post vamos abordar as principais causas das dores no corpo ao acordar.

Se você tem acordado de manhã como se tivesse travado uma batalha com sua cama durante a noite, esse artigo pode ajudar a identificar o problema. Confira!

Estresse

As últimas pesquisas realizadas pelo Datafolha mostram que a qualidade do sono do brasileiro está piorando consideravelmente. Em 2008, 68% dos entrevistados declarou que desfrutava de um sono bom ou ótimo, número que em 2017 caiu para 54%.

Segundo Dalva Poyares, especialista em sono da Unifesp, esse fenômeno é perceptível em todas as faixas etárias. Os diversos serviços e contas a pagar, a enorme quantidade de estímulos e contatos e toda a imensa oferta de informações que nos cerca podem estar nos cobrando um preço alto.

Ficar estressado, inquieto ou ansioso por períodos prolongados leva o corpo a desenvolver respostas para lidar com essas perturbações. Fadiga, tensão muscular, dores de cabeça e no corpo podem estar relacionadas ao estresse. Isso sem contar que a rigidez dos músculos incentiva a má postura na cama.

Inflamações e doenças

Um estudo publicado no The FASEB Journal apontou que as dores no corpo ao acordar podem estar relacionadas a inflamações. Isso acontece porque, durante o sono, a inflamação é reprimida, mas reaparece de maneira intensa quando acordamos.

A apneia do sono é uma condição que também pode apresentar sinais semelhantes. Nesse caso, dores no peito somadas a roncos e sensação de sufocamento ao acordar. Em ambos os casos é necessário contar com orientação e tratamento médico.

Má postura

Quem trabalha em escritório e passa o dia todo sentado sabe o quanto isso pode ser prejudicial à saúde. O problema é que só nos preocupamos com a postura quando as dores já estão nos matando.

Mas não para por aí. Passar o dia todo de pé, carregar muito peso, andar de salto, usar tênis inadequados, fazer exercícios sem a orientação correta e até um inocente cochilo no sofá podem ser suficientes para acabar com seu sono e ainda deixar dores no corpo ao acordar.

Travesseiro

Não costumamos dar muita atenção aos diversos tipos de travesseiro, mas deveríamos. Escolher bem o modelo e o material com que ele é fabricado pode mudar completamente a posição do seu corpo na cama.

A recomendação geral é que o pescoço fique alinhado à coluna. Sendo assim, não é aconselhável utilizar travesseiros muito altos, sob o risco de forçar esse alinhamento natural. E o mesmo vale para os mais baixos.

O ideal é optar por um travesseiro com material elástico que contorne a cabeça e o pescoço, garantindo o apoio e o alinhamento adequados. Uma outra dica para melhorar o conforto é o travesseiro de corpo, que já ensinamos como fazer em outro post aqui do blog.

Colchão

Existem vários tipos de colchão, cada um deles adequado para um determinado peso, tipo físico e preferência. O colchão muito mole, além de desconfortável, pressiona certas áreas do corpo provocando dores ao acordar. Por outro lado, o colchão muito duro não se ajusta ao corpo e pode deixar os pontos de contato doloridos.

Os melhores colchões são aqueles que não apenas proporcionam conforto, mas também apoiam o corpo em diferentes posições. E lembre-se de trocar o colchão na hora certa! Assim como qualquer outro produto, ele também tem prazo de validade.

Por fim, não se esqueça de que, além do travesseiro e do colchão, uma cama resistente é fundamental para garantir a qualidade do seu sono e evitar as temidas dores no corpo ao acordar.

Agora você já conhece as principais causas das dores no corpo ao acordar e pode buscar formas de solucioná-las, ganhando saúde e qualidade de vida.

Gostou das nossas dicas? Curta nossa página no Facebook e não perca nenhuma novidade do blog!

Comentários